// você está lendo...

Governo Colombo

Pro clubinho do vice filho não tem seca!

Dr. Moreira e Raimundo

O vice Dr. Moreira (e) e um ex-amigo. Molecagem sobre foto do James Tavares/Secom.

O Santa (também conhecido como Jornal de Santa Catarina, ou a sucursal blumenauense do jornal dos gaúchos) publicou ontem que um caminhão de combate a incêndios do Corpo de Bombeiros de Blumenau foi molhar duas vezes a pista de automodelismo (carrinhos de brinquedo, com controle remoto) em Gaspar, no último domingo.

(Clique aqui pra ler a notícia do Santa)

Lá se realizava um campeonato da Associação Catarinense de Automodelismo Offroad, que é presidida pelo Eduardo Pinho Moreira Filho. O vice filho também era o organizador do evento. Com a seca, a pista não estava na consistência correta. E um caminhão-pipa particular certamente iria cobrar alguma coisa para fazer o serviço. Melhor chamar os bombeiros.

Ah, um brutamontes (segurança do vice filho?) queria tomar a máquina do fotógrafo do Santa e entrou no carro da reportagem para ameaçar os jornalistas e mandar apagar as imagens dos bombeiros molhando a pista. Intimidação e censura, Dr. Moreira? Que feio!

EM TEMPO

Reclamações e comentários devem ser enviados diretamente para o Centro Administrativo, rodovia SC 401, Saco Grande, Florianópolis, SC. A/C Dr. Moreira, c/c João Raimundo. Afinal, o Raimundo é chefe dos bombeiros e o Dr. Moreira é pai do Moreirinha.

(Obrigado pela dica, Carlos Tonet)

A RESPOSTA DO VICE FILHO

O Moreira citado na reportagem do Santa e quem alfinetei acima fez a gentileza de deixar, aqui na caixa de comentários, suas explicações. Trago pra cá, pra facilitar a leitura.

“Boa tarde sr Cesar.

Sou o Eduardo Moreira Filho, a quem se referes neste artigo. Gostaria de corrigir alguns erros em sua postagem.

Não sou o presidente da Acaoff, Associação Catarinense de Automodelismo Offroad, sou apenas um dos associados e ajudo na organização dos eventos por ela realizados.

Devido ao calor excessivo e à falta de chuva nas últimas semanas, tivemos problemas com a pista e o excesso de poeira, ficando difícil até para respirar. Sempre contratamos uma empresa com caminhão pipa para prestar este serviço, só que a empresa não pôde realizar o serviço neste último fim de semana pois o caminhão pipa estava quebrado (empresa caibi).

Tinhamos cerca de 30 pilotos vindos de SC, PR e RS e de última hora, para não cancelarmos a etapa, decidimos pedir ajuda aos bombeiros. Só foi possível a ajuda dos bombeiros porque no clube onde era realizada a etapa tem um grande lago onde a água seria, e foi, reposta aos bombeiros, condição esta que fez com que os bombeiros aceitassem nos ajudar. Em nenhum momento usamos o nome do meu pai. Nem fui eu que entrei em contato com os bombeiros. E a pessoa que fez o contato usou o nome da Acaoff no pedido de apoio.

Organizamos o 2º maior estadual da categoria, atras apenas de SP, e na região de Gaspar é uma modalidade muito tradicional, por se encontrar lá o maior clube de modelismo da América do Sul.

Não ando e nunca andei com segurança e quem me conhece sabe que nunca provocaria algum tipo de confusão. Pelo contrário, um dos participantes foi perguntar ao fotógrafo do Santa (não tinha reporter) sobre o porque das fotos e o fotógrafo disse que não interessava e que não devia satisfação a ninguem. Foi quando este participante se colocou entre o fotógrafo e o seu carro e disse que exigia explicação.. Ao ver a cena pedimos para que ele se afastasse e deixasse o fotógrafo ir embora. Depois de um tempo uma reporter do Santa entrou em contato por telefone e demos as explicações sobre o acontecido.

Enfim, sou totalmente contra qualquer tipo de censura ou violência e também sou contra esse tipo de artigo politiqueiro com a clara intenção de atingir meu pai. Com afirmações falsas e insinuações descabidas.

Praticamos o automodelismo como hobby e diversão e só conseguimos realizar esta etapa graças ao apoio dos bombeiros. A agua usada foi reposta e acredito não termos prejudicado ninguém.

Grato pela atenção.”

MEU COMENTÁRIO

O texto do Moreira Filho confirma, em linhas gerais, o que o Santa publicou. E esclarece um ponto importante, que na reportagem não estava claro: houve mesmo alguém que tentou impedir o trabalho dos jornalistas, só que não era segurança do filho do vice. Que, pelo que nos informa, até intercedeu para resolver o problema. Quanto à “clara intenção de atingir meu pai”, é o preço de ser filho de um vice-governador, ex-governador e presidente de partido. Ainda mais tendo o mesmo nome. Figuras públicas e seus parentes estão sempre sob holofotes. E além do mais, nessa seca braba, qualquer pessoa que chamasse os bombeiros para molhar pista de automodelismo ou outro modelismo qualquer, cairia na boca do povo. E pelo que tenho lido sobre a falta d’água em Blumenau, parece que há mesmo uma escassez de carros pipa na região. Só espero que a generosa atitude dos bombeiros não crie, na comunidade a que servem, falsas expectativas sobre os serviços que podem prestar.

Discussão

Comentários estão desativados para este post.

  1. Boa tarde sr Cesar.
    Sou o Eduardo Moreira Filho, a quem se referes neste artigo. Gostaria de corrigir alguns erros em sua postagem.
    Não sou o presidente da Acaoff, Associação Catarinense de Automodelismo Offroad, sou apenas um dos associados e ajudo na organização dos eventos por ela realizados.
    Devido ao calor excessivo e à falta de chuva nas últimas semanas, tivemos problemas com a pista e o excesso de poeira, ficando difícil até para respirar. Sempre contratamos uma empresa com caminhão pipa para prestar este serviço, só que a empresa não pôde realizar o serviço neste último fim de semana pois o caminhão pipa estava quebrado (empresa caibi).
    Tinhamos cerca de 30 pilotos vindos de SC, PR e RS e de última hora, para não cancelarmos a etapa, decidimos pedir ajuda aos bombeiros. Só foi possível a ajuda dos bombeiros porque no clube onde era realizada a etapa tem um grande lago onde a água seria, e foi, reposta aos bombeiros, condição esta que fez com que os bombeiros aceitassem nos ajudar. Em nenhum momento usamos o nome do meu pai. Nem fui eu que entrei em contato com os bombeiros. E a pessoa que fez o contato usou o nome da Acaoff no pedido de apoio.
    Organizamos o 2º maior estadual da categoria, atras apenas de SP, e na região de Gaspar é uma modalidade muito tradicional, por se encontrar lá o maior clube de modelismo da América do Sul.
    Não ando e nunca andei com segurança e quem me conhece sabe que nunca provocaria algum tipo de confusão. Pelo contrário, um dos participantes foi perguntar ao fotógrafo do Santa (não tinha reporter) sobre o porque das fotos e o fotógrafo disse que não interessava e que não devia satisfação a ninguem. Foi quando este participante se colocou entre o fotógrafo e o seu carro e disse que exigia explicação.. Ao ver a cena pedimos para que ele se afastasse e deixasse o fotógrafo ir embora. Depois de um tempo uma reporter do Santa entrou em contato por telefone e demos as explicações sobre o acontecido.
    Enfim, sou totalmente contra qualquer tipo de censura ou violência e também sou contra esse tipo de artigo politiqueiro com a clara intenção de atingir meu pai. Com afirmações falsas e insinuações descabidas.
    Praticamos o automodelismo como hobby e diversão e só conseguimos realizar esta etapa graças ao apoio dos bombeiros. A agua usada foi reposta e acredito não termos prejudicado ninguém.
    Grato pela atenção.

    Posted by Eduardo | fevereiro 11, 2014, 15:31
  2. Restam duas singelas observações:
    1) Se não queriam fotos, algo errado havia. Então quem tentou obstruir (ameaçar) o trabalho do fotógrafo deve ser punido pela justiça.
    2) Os Bombeiros devem explicar publicamente sobre a saída, procedimentos nesses casos etc. Se houver irregularidade que haja punição.
    Isso ou seja (re)considerado em vigor o Decreto Estadual Marlene Rica.

    Posted by Schneider | fevereiro 12, 2014, 20:51

Posts recentes

O fim de uma era
23 de maio de 2014, 17:27
Por Cesar Valente
E aí? Abandonou o blog?
6 de maio de 2014, 17:46
Por Cesar Valente
Brasília real aos 54 anos
28 de abril de 2014, 22:12
Por Cesar Valente
Beleza e crueldade
28 de abril de 2014, 22:01
Por Cesar Valente
A semana dos enigmas
17 de abril de 2014, 8:09
Por Cesar Valente

Arquivos