// você está lendo...

Caraminholas

Pense imóveis!

Lotes grátis!

Plantão permanente. Traga a família.

Discussão

Comentários estão desativados para este post.

  1. Cesar,

    Este seu artigo me fez lembrar, pela segunda vez hoje, um outro artigo seu de anos atrás, que falava sobre a tolerância zero, fazendo uma referência a medida adotada em Nova Iorque.

    Chegamos a um ponto em que a bandidagem está comendo solta.

    Rolezinhos, bailes funks no meio da rua, assaltos cada vez mais violentos, as praças públicas(?) sendo tomadas por vândalos do crack, invasões de toda ordem.

    Esse sentimento de desregramento está avançando sobre toda a sociedade e cada qual quer levar vantagem em tudo. No trânsito a cada dia se vê mais e mais pessoas descumprindo as leis. Em locais onde o cidadão conta com uma ciclovia decide pedalar sobre as calçadas. pessoas caminham nas ciclovias. Enfim…

    Inércia e inépcia dos entes públicos em todas as instâncias.

    Posted by Mauricio | janeiro 21, 2014, 11:59
  2. Ai ai…bons tempos aqueles em que o proprietário de um terreno pouco valorizado e sem interessados em comprar fazia um esquema com o governo e conseguia a sua desapropriação, recebendo pelo mesmo o valor de mercado, sem necessidade de se preocupar com a sua viabilidade e, inclusive, de gastar com corretor!!! Epa, peraí…..

    Posted by Eduardo | janeiro 21, 2014, 13:24
  3. Hoje surgiu um problema. A Celesc não permitiu o uso de geradores, e deverá ligar a energia ,na sua rede ,até amanhã.
    O eng galinda da casan,prometeu agua encanada daqui a 2 dias .
    O deinfra já contratou com a prosul, e a espaço aberto deverá construir, com urgência, um viaduto de acesso a nova comunidade.
    Por ultimo uma grande novidade , os professores da ufsc darão(?) aulas GRATUITAS aos estudantes da nova comunidade.
    Qualquer informação dirija-se a justiça de Chapecó.

    Posted by dilmar | janeiro 21, 2014, 21:30
  4. Podem contar com um novo “bairro” em Floripa: a “Vila Amarildo”. Em breve nos mapas.

    Posted by Fernando S | janeiro 22, 2014, 00:18
  5. O MST, segundo o ND, afirmou não ter nada a ver com o Amarildo Resorts. O rolo ali parece ser coisa de gente da UFSC e de um grupo chamado brigadas populares. Um dos líderes é um jornalista.
    Li em algum lugar que aquela já era terra grilada, mas sem muitos detalhes. Fiquei curioso. Alguém sabe alguma coisa? O Eduardo aí de cima levantou outra suspeita. O buraco parece ser fundo.

    Posted by Ubiratan Canela | janeiro 22, 2014, 19:45
  6. Cesar, concordo com muitos de seus artigos, mas desse descordo. O terreno é de um rico que não deu destinação social ao mesmo até agora, e que tinha como planos construir um campo de golf, para os poucos integrantes da elite, enquanto o povo fica sem casa. É uma pretensão muito mais digna para este terreno a desapropriação por interesse social. Florianópolis está refém da especulação imobiliária, e é isso, e não os pobres, que faz da cidade uma bomba relógio.
    Abraço

    Posted by philipe | janeiro 28, 2014, 18:40

Posts recentes

O fim de uma era
23 de maio de 2014, 17:27
Por Cesar Valente
E aí? Abandonou o blog?
6 de maio de 2014, 17:46
Por Cesar Valente
Brasília real aos 54 anos
28 de abril de 2014, 22:12
Por Cesar Valente
Beleza e crueldade
28 de abril de 2014, 22:01
Por Cesar Valente
A semana dos enigmas
17 de abril de 2014, 8:09
Por Cesar Valente

Arquivos