// você está lendo...

Fala leitor

Os buracos de rua e seus prejuízos

Hoje vou brincar de “Voz do Povo” (a concorrida seção do Diarinho que publica as queixas dos leitores): o Marcelo, de Florianópolis, está indignado com a buraqueira no asfalto no acesso da Av. Ivo Silveira e mandou cartinha acompanhada de algumas fotos. Como estamos na reta final da campanha para a prefeitura e nos programas eleitorais todos prometem resolver todos os problemas, acho que é oportuno lembrar o que está incomodando o pessoal que paga impostos. Aí os principais trechos da reclamação:

Buraqueira

Nas fotos do leitor, as crateras moedoras de pneus na alça de acesso à Av. Ivo Silveira

“Caro César, sou teu leitor há alguns anos. Na noite de quinta feira minha noiva voltando do trabalho, saindo da ponte em direção ao Estreito, estourou o pneu perto das 23:00, e parou nervosa embaixo do viaduto que vai para a Ivo Silveira, prontamente eu e meu sogro fomos acudi-la pelo perigo que o lugar representa. No momento que chegamos havia mais três carros na subida para a Top Car (Estreito) parados e todos trocando os seus pneus. Farei o boletim de ocorrência hoje à tarde e anexarei a nota fiscal do conserto no valor de 800 reais (valor do IPVA que pagamos para não termos buracos), aí segunda feira entrarei no juizado de pequenas causas para reaver o dinheiro. Saldo: um pneu rasgado com aro entortado, o outro pneu dianteiro fez uma bolha estragando o seu uso (pneus quase novos) e acabou todo o alinhamento da direção.

Na sexta feira chega a notícia que o sobrinho da empregada da minha noiva furou no mesmo buraco já na madrugada do dia seguinte e ao parar foi roubado, parece que perdeu a carteira e o celular. Hoje na oficina o dono do estabelecimento disse que perdeu um pneu no mesmo buraco e que alguns clientes já haviam consertado lá nesta semana o estrago feito pelo mesmo buraco.Por isso que peço a sua ajuda para qeu outras vítimas do tapete (lama) preta busquem o juizado de pequenas causas e peçam ressarcimento da prefeitura!

Aquele é café pequeno perto de outros buracos que castigam o Estreito da ponte até o Jardim Atlântico, descaso total com um bairro que está altamente povoado e o comércio é intenso!

Grande abraço e muito agradecido!”

Pneu cortado

Pneu cortado. Cobrar de quem?

Discussão

Comentários estão desativados para este post.

  1. Não é só na Ivo Silveira: no Córrego Grande há buracos que de tantos aniversários já vão fazer vestibular.

    Posted by Fernando S | setembro 25, 2012, 08:30
  2. Este é um exemplo real de que a atual Administração do Geandário não sabe traçar prioridades.
    Asfaltou ruas pelo centro que estavam em boas condições e relegou outras em péssimo estado.
    É só sair do Estreito em direção à Ponte que trafega-se por crateras históricas.
    Devem ter feito pesquisas eleitorais e com certeza estavem mal pelas bandas centrais e daí elegeram as suas prioridades, não as do povo!

    Posted by Luiz Fernando | setembro 25, 2012, 08:41
  3. A verdade é que toda a área continental de Florianópolis está abandonada. Aliás, sempre foi assim. Quem é da Ilha acha que depois da Ponte é São José, a Prefeitura de São José não tem nada com isso, e o resultado é que os bairros do Continente são completamente esquecidos. O mais incrível é que o Secretário do Continente era o Sr. Gean Loureiro, que nunca fez coisa alguma pela região.

    Posted by Guilherme Bossle | setembro 25, 2012, 13:14
  4. Pena que os Juizados Especiais Civeis não possam admitir causas contra a Fazenda Pública.

    Posted by Carlos | setembro 25, 2012, 23:09
  5. Para isso tem o Juizado Especial da Fazenda Pública no Forum da UFSC.

    Posted by Matheus | setembro 26, 2012, 10:41

Posts recentes

O fim de uma era
23 de maio de 2014, 17:27
Por Cesar Valente
E aí? Abandonou o blog?
6 de maio de 2014, 17:46
Por Cesar Valente
Brasília real aos 54 anos
28 de abril de 2014, 22:12
Por Cesar Valente
Beleza e crueldade
28 de abril de 2014, 22:01
Por Cesar Valente
A semana dos enigmas
17 de abril de 2014, 8:09
Por Cesar Valente

Arquivos