// você está lendo...

Na estrada

Na 101, rumo norte

QUASE DIRETÃO!

Desde que me conheço por gente e que comecei a viajar de Florianópolis para o norte do estado de ônibus, que a parada em Tijucas era parte inevitável da jornada.

Quando se ia a Curitiba ou São Paulo, ainda era possível encontrar, em alguns horários, ônibus que não paravam em Tijucas. Mas para Itajaí, por exemplo, não tinha jeito. Mesmo os ônibus chamados “semi-diretos”, que tinham a passagem um pouco mais cara porque não eram “pinga-pinga”, paravam em Tijucas.

Claro que, para quem mora na região, isso era ótimo. Mas para quem só queria ir para outros lugares, era uma escala desnecessária que atrasava a viagem.

Portanto, foi com enorme felicidade que descobri ontem, quando vim para Itajaí no Catarinense das 13:05h, que não se para nem em Tijucas nem em Itapema. Diretão a Balneário. E dali a Itajaí. É possível que isso não seja novidade para a turma que vai e volta com frequencia, mas pra mim, viajante bissexto, foi uma gradabilíssima surpresa, que aliviou bastante o ânimo de quem enfrenta a estrada para encarar um plantão no feriado.

PERDIDO EM SÃO JOSÉ

A viagem do Catarinense das 13:05 de ontem foi tranquila, exceto por um pequeno imprevisto: ao tentar pegar a 101 depois da parada na agência de Campinas, o motorista encontrou as pistas habituais fechadas por obras. E, claro, nenhuma sinalização mostrando caminhos alternativos.

Como resultado, demos um passeio por ruas daqueles bairros de São José, no limite com Florianópolis, parando umas duas vezes para perguntar como se fazia para chegar à 101. Acabamos, claro, encontrando um jeito de pegar a estrada. Mas, se dependesse da sinalização, estariamos até agora rodeando o simpático José Mendes.

Ah, esse horário não para em Tijucas nem em Itapema, mas, além de Campinas, dá uma paradinha em Biguaçu e no trevo de Governador Celso Ramos. Afinal, não se pode ter tudo.

POR FALAR NISSO…

De vez em quando reclamo aqui que Itajaí, apesar de sua importância, não tem nenhum ônibus direto a Florianópolis. Aproveito para voltar ao assunto, porque deve ter muita gente que trocaria o carro pelo ônibus, se pudesse ir à capital em uma viagem rápida, de uma hora e meia, no máximo.

Discussão

Comentários estão desativados para este post.

Comments are closed.

Posts recentes

O fim de uma era
23 de maio de 2014, 17:27
Por Cesar Valente
E aí? Abandonou o blog?
6 de maio de 2014, 17:46
Por Cesar Valente
Brasília real aos 54 anos
28 de abril de 2014, 22:12
Por Cesar Valente
Beleza e crueldade
28 de abril de 2014, 22:01
Por Cesar Valente
A semana dos enigmas
17 de abril de 2014, 8:09
Por Cesar Valente

Arquivos