// você está lendo...

Tolices

“Este blog já foi melhor…”

Hoje, pra variar, estou na estrada sem muito tempo para animar a torcida. Por isso, aproveito para ceder o espaço para um nosso velho conhecido.

Assim que der eu volto.

Cesar

=============

Palhares oferece colinho

O Palhares, todos sabem, é um canalha. Mas é meu amigo e fez-me um pedido que não posso negar. Pede que eu divulgue, entre minhas leitoras, que ele abriu um consultório sentimental, onde atende pessoalmente, por carta, por e-mail e por procuração, a todas aquelas que se encontram em algum tipo de dificuldade ou aflição. Ele pede que escrevam, e escrevam muito, contando tudo, fazendo convites, propostas ou mesmo perguntando qualquer coisa. O Palhares, como vocês devem imaginar, tem uma fenomenal cara de pau e pediu para divulgar o e-mail para as eventuais consulentes: pergunteaopalhares@yahoo.com.br . Taí a amostra grátis que ele me mandou:

Querido Palhares:
“O caso é o seguinte: sou uma mulher de idade indefinida – acho que todas as mulheres com mais de 40 são, né não? – e estou com um problema bem definido. Desconfio que meu marido tem outra. Veja bem, não é uma desconfiança assim do nada. São indícios bem claros: pintou os cabelos de vermelho, entrou para uma academia onde faz musculação, acorda cantando “solamente una vez”, anda pela casa como um ar patético e um meio sorriso idiota na cara, e o pior: me manda flores três vezes por semana, liberou o cartão de crédito, e até voltou a me chamar de “mô”! Tenho ou não tenho razão? Em tempo: ele fez 50 anos mês passado.
O que devo fazer?”
Amada amante desconfiada

Cara Desconfiada:

As mulheres são muito engraçadas. Quando a gente dá uma dura, acham ruim, quando a gente faz um agrado, acham ruim. O que é que tem de estranho no cara mandar flores pra sua patroa? O que é que tem de errado no sujeito liberar, de vez em quando umas despesinhas no cartão de crédito para sua cara metade? Qual é o problema do indivíduo gostar de cantar boleros pela casa? E por que as mulheres sempre acham estranho a gente ser carinhoso?

Ora, minha filha, nada disso devia te preocupar. Devias ficar muito cabrera é com essa história de cinqüentão de cabelo vermelho. Isso, de fato, é muito preocupante. Acho que teu velho não tem outra. Tem outro.
Te cuida!

Querido Palhares:
“Se é verdade que é a panela velha que faz comida boa, por que é que o meu marido prefere comer fora e anda sempre atrás de novidade?”
Frigideira do Balneário

Cara Frigideira:

Às vezes o problema não é da panela. Porque, de fato, uma boa panela, mesmo com algum ou muito uso, dá um gosto especial ao cozido, ao peixe frito, ao carreteiro e a tantas outras especialidades. Em muitos casos a dificuldade é que o sujeito não sabe usar a panela ou não sabe que ingredientes é que fazem a panela chiar com gosto. E o principal problema é quando o cozinheiro não tem a colher de pau do tamanho certo. Aí, pra disfarçar, inventa de por a culpa na panela.

Querido Palhares:
“Ninguém lá em casa gosta do meu namorado e ficam toda hora dizendo que ele não presta, que é malandro, que vai me fazer sofrer, que não vale nada. Só porque ele não trabalha, é casado, tem uns probleminhas com a polícia e só anda de carro zero. Como devo fazer pro pessoal largar do meu pé?”
Tolinha do Rio Abaixo

Cara Tolinha:

De fato, essa gente não tem nada que ficar te incomodando. Pelo pouco que contastes já deu pra ver que o carinha é gente fina e que se continuares com ele vais ter uma vida cheia de aventuras. Liga não, eles não entendem que tu não és do tipo que gosta de se fazer de tola. Tu és tola de verdade.
Boa sorte. Vais precisar.

Discussão

Comentários estão desativados para este post.

  1. Caro Palhares

    É o caso daquela antiga pergunta do Freud que a Globo oportunisticamente colocou no titulo daquela minissérie fajuta e que até hoje não foi respondida: afinal, o que querem as mulheres?

    cordialmente

    Virson

    Posted by Virson Holderbaum | março 30, 2011, 18:00
  2. Virson, Virson, não deixe a bola quicando. Palhares (como 99% dos homens) responderá chauvinisticamente e sem distinção entre belas e barangas, jovens e maduras…

    Posted by LesPaul | março 31, 2011, 13:22

Posts recentes

O fim de uma era
23 de maio de 2014, 17:27
Por Cesar Valente
E aí? Abandonou o blog?
6 de maio de 2014, 17:46
Por Cesar Valente
Brasília real aos 54 anos
28 de abril de 2014, 22:12
Por Cesar Valente
Beleza e crueldade
28 de abril de 2014, 22:01
Por Cesar Valente
A semana dos enigmas
17 de abril de 2014, 8:09
Por Cesar Valente

Arquivos