// você está lendo...

JULGAMENTO DO LHS

Calibrando as expectativas

Em primeiro lugar, aos torcedores do LHS e da cassação, recomendo cautela: o governador ainda não foi absolvido nem condenado. Por mais que as expectativas, expressas aqui e ali, já dêem a coisa como resolvida.

Então vamos falar um pouco sobre as possibilidades, para que ninguém diga depois que foi enganado e que não sabia que poderia ser assim ou assado.

A defesa de LHS tinha colocado, como assistentes, o PSDB e o PMDB, para que, junto com o tempo reservado à defesa de LHS e Pavan nas sustentações orais, eles tivessem 80 minutos. O ministro-relator cortou-lhes as asinhas: a defesa terá 40 minutos no total (os defensores decidem que uso farão desse tempo e quantos falarão dentro desse limite). A acusação continua com seus 20 minutos.

Está tudo preparado para que o caso seja resolvido hoje. Mas…

O Paulo Stodieck levantou, nos comentários, uma das outras hipóteses:

“César, se vai ser absolvido ou condenado, é assunto que não vai ser dirimido na noite desta quinta-feira. A questão consiste em adivinhar qual dos ministros do TSE irá pedir vista.”

Essa esperança (ou ameaça, dependendo do ponto de vista) de protelação infinita, na qual o pedido de vistas surge como derradeiro recurso, soa como música para os ouvidos da defesa e embute a suspeita de algum “acerto”. Como nenhum ministro anunciou, até agora, que pretende frear o processo, resta esperar a sessão pra ver se a hipótese do Stodieck se confirma.

Outra possibilidade é que em determinado momento a sessão fique sem quorum. Algum ministro saia ou fique doente. Aí haverá, como em casos anteriores, o adiamento. Que tanto pode ser para a sessão seguinte como para a próxima com agenda livre.

É natural, em todo julgamento ou eleição, que os contendores tentem passar, para os veículos de comunicação, como coisa decidida, seus desejos e sonhos. O fato é que o julgamento não começou e ainda nem ouvimos o voto do relator e muito menos sabemos como votarão os demais ministros. O resto é cortina de fumaça.

Discussão

Comentários estão desativados para este post.

  1. Será que algum Ministro vai fazer “vista grossa” ou algum pegar aquela famosa “caganeira” depois de tomar coca cola quente com coxinha de galinha de “tresontonte”
    cru credo !

    Já começei a rezar.

    Posted by amilton alexandre | maio 28, 2009, 13:56
  2. Cesar,

    Do Judiciário o povo não pode e não deve esperar nada. Tem razão aquele Ministro do STF que diz que “as ruas falam muito mal do ….

    Todavia, o que nos resta é pensar que ao mudar o Governador os clientes deixarão de continuar a serem desrespeitados a cada dia.

    Ao entrar numas das agências é de impressionar as reclamações.

    O Vieirão, secretária da fazenda vai mudar esta história indecente que o governo do estado até agora não se preocupou.

    Vai mudar tb de lugar essa absurda central de policia do centro da cidade. Está lá pq o LHS não gosta de Fpolis. Só pode!

    Posted by pedro de souza | maio 28, 2009, 15:34
  3. O Ministro Félix Fischer vem do Ministério Público Federal e tem mão pesada.

    Posted by pedro de souza | maio 28, 2009, 16:13
  4. Se o relator for pela cassação e algum “ministro” pedir vista, é caso de polícia.

    Posted by lourenço | maio 28, 2009, 16:20
  5. Caro Lourenço, aqui onde eu trabalho o pessoal tá fazendo um bolão de 50 reais por cabeça: os do “julgamento pela não-cassação” contra os do “pedido de vistas”. Isso é que é confiança na justiça, né?? kkkk

    Posted by Walkiria | maio 28, 2009, 17:01

Posts recentes

O fim de uma era
23 de maio de 2014, 17:27
Por Cesar Valente
E aí? Abandonou o blog?
6 de maio de 2014, 17:46
Por Cesar Valente
Brasília real aos 54 anos
28 de abril de 2014, 22:12
Por Cesar Valente
Beleza e crueldade
28 de abril de 2014, 22:01
Por Cesar Valente
A semana dos enigmas
17 de abril de 2014, 8:09
Por Cesar Valente

Arquivos